SALTO ALTO NA MEDIDA CERTA, SEM PREJUDICAR A SUA COLUNA com Lana Côrtes

Você sabe qual o sapato ideal para prevenir problemas lombares?

tipos de saltos

Associado aos maus hábitos do cotidiano, ortopedista e coordenador do Grupo de Coluna do Hospital Premium – BP Mirante orienta sobre qual o sapato ideal para prevenir problemas lombares, como má postura, sedentarismo, o uso constante do salto alto pode ter consequência séria para a saúde: dor nas costas. Muitas vezes aquela dor localizada, depois de horas com esse tipo de sapato é o primeiro aviso de que algo não vai bem. “É muito comum recebermos mulheres com dores nas costas, após uma festa na qual elas usaram saltos altos”, afirma o ortopedista Pil Sun Choi, coordenador do Grupo de Cirurgia de Coluna Minimamente Invasiva do Hospital BP Mirante.
O médico explica que a dor ocorre por que esse tipo de sapato desloca o centro de gravidade do corpo para frente, causando um desequilíbrio. Essa desproporção sobrecarrega as estruturas das vértebras causando uma curvatura excessiva da coluna para dentro, o que os médicos chamam de lordose lombar. Por isso, vale prestar atenção nas dicas abaixo.
Nem muito alto, nem muito baixo, saiba qual o melhor tipo de sapato para usar na ocasião.

O TAMANHO DO SALTO
O ortopedista explica que o salto ideal para o dia a dia, que prejudica menos à coluna, deve ter entre três e cinco centímetros. “Saltos maiores devem ser reservados aos eventos e, mesmo assim, a mulher deve estar preparada para ter dores nas costas e nos pés”, diz.

OS TIPOS DE SALTOS – VANTAGENS E DESVANTAGENS

SALTO AGULHA
Esse tipo de calçado é menos confortável, porém, podem ser usados por mulheres que já estão acostumadas e não têm problemas em se equilibrar nesse tipo de salto.

SALTO BICO FINO
Esse salto favorece a formação de joanete, espécie de calo que se forma no dedão do pé. No entanto, pode ser usado, com moderação.

SALTO QUADRADO
Por ser mais confortável e dar estabilidade, esse tipo de salto é menos prejudicial do que os citados acima.

ANABELA
Caso o calçado tenha 10 centímetros de salto, ele pode provocar dor na planta do pé. Isso acontecer por que, nesse caso, 90% do peso do corpo são transferidos para a parte anterior do pé, causando um desequilíbrio.

SAPATOS SEM SALTO
Não há problema em usar, de vez em quando, mas esse tipo de calçado também pode fazer mal. A falta de apoio pode gerar lesões por sobrecarregar outras partes do corpo.

PLATAFORMA
Esse é o salto alto mais recomendado pelos médicos, justamente pela estabilidade que ele dá a coluna. No entanto, vale ressaltar: a diferença ente a parte anterior e posterior do calçado não deve ultrapassar quatro centímetros.

VAI FICAR MUITO TEMPO EM PÉ?
O médico recomenda, nessa situação, alternar o apoio dos pés, isto é, manter um pé esticado e outro ligeiramente dobrado, ora no pé direito e ora no esquerdo. Esse hábito irá retificar a lordose lombar e diminuir a sobrecarga nas estruturas da coluna.

SOBRE O GRUPO DE CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA DA COLUNA DO HOSPITAL BP MIRANTE (GCMIC)
Liderado pelo médico ortopedista Dr. Pil Sun Choi, o Grupo é referência nacional e internacional em cirurgia e técnicas minimamente invasivas e promove pesquisa e educação médica continuada de especialistas em coluna vertebral. O Grupo atua no hospital Premium da Beneficência Portuguesa de São Paulo, o BP Mirante, e é composto pelos médicos Pil Sun Choi, Wilson Dratcu, Marcelo Perocco, David Del Curto, Pedro Pierro.

PRÓXIMO EVENTO CIENTÍFICO 12 e 13 de abril de 2018
VI COMINCO e XV SIMINCO – Congresso e Simpósio Internacional de Cirurgia e Técnicas Minimamente Invasivas da Coluna Vertebral (evento científico com cirurgia ao vivo e palestras – 12 e 13 de Abril de 2018, no Hospital BP Mirante, São Paulo, Brasil)
O COMINCO, em sua VI edição, traz a atualização de temas importantes da especialidade, com discussão de casos, problemas, novidades e soluções práticas, juntamente com os mais notórios profissionais da área.
O SIMINCO, em sua XV edição, neste ano, além das cirurgias ao vivo, o Simpósio terá um formato dinâmico e mais interativo, ocasião em que a audiência poderá interagir com os apresentadores e debatedores no anfiteatro do próprio hospital, local do evento.
O evento apresentará técnicas novas minimamente invasivas, com foco em doenças degenerativas de coluna, além de debates e discussões de caso. Os procedimentos cirúrgicos serão ao vivo e contarão com a expertise dos mais renomados especialistas da área.como má postura, sedentarismo, o uso constante do salto alto pode ter consequência séria para a saúde: dor nas costas. Muitas vezes aquela dor localizada, depois de horas com esse tipo de sapato é o primeiro aviso de que algo não vai bem. “É muito comum recebermos mulheres com dores nas costas, após uma festa na qual elas usaram saltos altos”, afirma o ortopedista Pil Sun Choi, coordenador do Grupo de Cirurgia de Coluna Minimamente Invasiva do Hospital BP Mirante.
O médico explica que a dor ocorre por que esse tipo de sapato desloca o centro de gravidade do corpo para frente, causando um desequilíbrio. Essa desproporção sobrecarrega as estruturas das vértebras causando uma curvatura excessiva da coluna para dentro, o que os médicos chamam de lordose lombar. Por isso, vale prestar atenção nas dicas abaixo.
Nem muito alto, nem muito baixo, saiba qual o melhor tipo de sapato para usar na ocasião.

O TAMANHO DO SALTO
O ortopedista explica que o salto ideal para o dia a dia, que prejudica menos à coluna, deve ter entre três e cinco centímetros. “Saltos maiores devem ser reservados aos eventos e, mesmo assim, a mulher deve estar preparada para ter dores nas costas e nos pés”, diz.

OS TIPOS DE SALTOS – VANTAGENS E DESVANTAGENS

SALTO AGULHA
Esse tipo de calçado é menos confortável, porém, podem ser usados por mulheres que já estão acostumadas e não têm problemas em se equilibrar nesse tipo de salto.

SALTO BICO FINO
Esse salto favorece a formação de joanete, espécie de calo que se forma no dedão do pé. No entanto, pode ser usado, com moderação.

SALTO QUADRADO
Por ser mais confortável e dar estabilidade, esse tipo de salto é menos prejudicial do que os citados acima.

ANABELA
Caso o calçado tenha 10 centímetros de salto, ele pode provocar dor na planta do pé. Isso acontecer por que, nesse caso, 90% do peso do corpo são transferidos para a parte anterior do pé, causando um desequilíbrio.

SAPATOS SEM SALTO
Não há problema em usar, de vez em quando, mas esse tipo de calçado também pode fazer mal. A falta de apoio pode gerar lesões por sobrecarregar outras partes do corpo.

PLATAFORMA
Esse é o salto alto mais recomendado pelos médicos, justamente pela estabilidade que ele dá a coluna. No entanto, vale ressaltar: a diferença ente a parte anterior e posterior do calçado não deve ultrapassar quatro centímetros.

VAI FICAR MUITO TEMPO EM PÉ?
O médico recomenda, nessa situação, alternar o apoio dos pés, isto é, manter um pé esticado e outro ligeiramente dobrado, ora no pé direito e ora no esquerdo. Esse hábito irá retificar a lordose lombar e diminuir a sobrecarga nas estruturas da coluna.

SOBRE O GRUPO DE CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA DA COLUNA DO HOSPITAL BP MIRANTE (GCMIC)
Liderado pelo médico ortopedista Dr. Pil Sun Choi, o Grupo é referência nacional e internacional em cirurgia e técnicas minimamente invasivas e promove pesquisa e educação médica continuada de especialistas em coluna vertebral. O Grupo atua no hospital Premium da Beneficência Portuguesa de São Paulo, o BP Mirante, e é composto pelos médicos Pil Sun Choi, Wilson Dratcu, Marcelo Perocco, David Del Curto, Pedro Pierro.

PRÓXIMO EVENTO CIENTÍFICO 12 e 13 de abril de 2018
VI COMINCO e XV SIMINCO – Congresso e Simpósio Internacional de Cirurgia e Técnicas Minimamente Invasivas da Coluna Vertebral (evento científico com cirurgia ao vivo e palestras – 12 e 13 de Abril de 2018, no Hospital BP Mirante, São Paulo, Brasil)
O COMINCO, em sua VI edição, traz a atualização de temas importantes da especialidade, com discussão de casos, problemas, novidades e soluções práticas, juntamente com os mais notórios profissionais da área.
O SIMINCO, em sua XV edição, neste ano, além das cirurgias ao vivo, o Simpósio terá um formato dinâmico e mais interativo, ocasião em que a audiência poderá interagir com os apresentadores e debatedores no anfiteatro do próprio hospital, local do evento.
O evento apresentará técnicas novas minimamente invasivas, com foco em doenças degenerativas de coluna, além de debates e discussões de caso. Os procedimentos cirúrgicos serão ao vivo e contarão com a expertise dos mais renomados especialistas da área.

Anúncios

Saiba como e qual a importância de detectar a perimenopausa e a menopausa a tempo – dicas importantes.

As mulheres já sabem que o período da menopausa começa após o

logo ação & comunicaçãoencerramento dos ciclos menstruais e ovulatórios da mulher, entre os 45

 

e 50 anos. Porém, sempre há dúvidas quanto aos sintomas, o momento certo de procurar um médico e algumas vezes, só se percebe quando aparecem os incômodos, como irritações repentinas, os suores noturnos, insônias e diminuição no desejo sexual.

                                           Logo Octagon ColégioSabemos que todas as mulheres irão passar por um período chamado menopausa e esta fase não avisa quando está chegando, umas precocemente e outras tardiamente.

TRES GERAÇÕES

Três gerações, qual é a sua?

Quando se pode detectar a chegada desta fase da mulher, com um simples auto teste realizado a qualquer hora ou lugar, fica mais fácil tornar este período mais leve, pois é exatamente nesta hora que os cuidados aumentam para manter a saúde equilibrada. Neste momento é necessário focar inicialmente nos sintomas para direcionar a mulher para uma dieta adequada, incluindo alguma atividade física regularmente para a queima de gordura, que vai ajudar no combate do estresse, na manutenção hormonal e, também, irá ajudar no aumento do humor.

Os médicos defendem que quanto antes for diagnosticada a Menopausa, mais fácil será o tratamento. “A vantagem de ter um teste que detecta o início da menopausa é que a mulher pode buscar um profissional que a ajude conviver com o processo e as mudanças que ocorrem com o organismo nesta fase”, comenta, Dra. Adriana Juliani.

Detectando esta fase da mulher

1111 confirme menopausa produto

Existe no mercado brasileiro, muito utilizado nos EUA, um teste encontrado nas melhores drogarias e farmácias, para ser realizado em casa com muita facilidade no manuseio e precisão, o Confirme Menopausa.

O melhor segredo para tornar esse período menos desagradável é realizar o diagnóstico logo de início. O Confirme Menopausa pode ajudar neste processo. O teste detecta através da urina a presença do hormônio FSH (Folículo Estimulante), sinalizando o provável início da Menopausa na mulher.

O Confirme Menopausa tem o objetivo de auxiliar a mulher a se preparar melhor para essa nova etapa da vida. O auto teste tem 99,6% de precisão.

O Confirme Menopausa também pode ser adquirido através do site www.confirme.com.br.

Dicas para tornar este período mais leve

Mantenha uma dieta equilibrada, incluía a soja em sua alimentação, láctea, rica em cálcio, para prevenir a osteoporose, e, junto com banhos de sol – vitamina D, para aumentar a qualidade de vida. Não esquecer de beber muita água, sucos naturais e não deixe de praticar de exercícios físicos, que irão ajudar muito a passar por essa fase uma maneira mais tranquila. “Realizar exercícios físicos regularmente é a melhor estratégia para queima de gordura e amenizar os sintomas de mau o humor, lembrando que nesta fase os riscos de doenças cardiovasculares e o enfraquecimento dos ossos podem ocorrer e esta estratégia, mesmo que caminhadas regulares, vai ajudar a fortalecer os músculos e liberar endorfinas na corrente sanguínea, promovendo o bem-estar emocional e físico nessa fase da mulher”. Comenta, Dra. Adriana Juliani.

Assim que detectado em casa com o auto teste Confirme Menopausa, o acompanhamento médico preventivo é de fundamental importância. Realize consultas médicas regularmente e faça todos os exames solicitados pelo profissional.

https://www.youtube.com/watch?v=FwJoIh2YUwY&t=1s

Cuidados simples garantem pés mais saudáveis – com Lana Côrtes

Pasta de denten os pés

Hidratação diária e escolha correta do calçado estão entre as dicas para cuidar dos pés nos dias quentes

Antes de ler este post, tenho uma dica incrível para os pés para complementar as dicas abaixo. Eu fiz uma pasta com 180 g de creme dental branco, 200 ml. de glicerina liquida e 100 ml. de óleo de amêndoa. Misture bem e coloque em um vidro limpo e higienizado. Aplique a noite nos pés  massageando bem nos calcanhares e partes mais secas e coloque uma meia. Além de acabar com as rachaduras e ressecamentos, deixa os pés bem refrescantes e saudáveis. De manhã você verá que pés lindos você tem e poderá mostrar no verão com toda segurança. Outra dica, pare de ficar lixando os pés, faz com que a pele reponha ainda mais camadas e ressecam mais os pés. Eu lixava, parei e estão lisinhos. bj Lana

O verão nem chegou, mas as temperaturas já subiram e, consequentemente, os pés começaram a ficar mais expostos, com os calçados abertos. Esta época do ano exige cuidados diários especiais com os pés, inclusive na hora de comprar o sapato e de escolher qual usar. As hidratações devem ser ainda frequentes. A boa notícia é que alguns minutos por dia já garantem um pé mais bonito e saudável.

“No calor, as pessoas usam mais sandálias, chinelos e rasteirinhas. O pé fica mais exposto e propensos a rachaduras, fungos e bactérias. Então é importante tomar alguns cuidados, que são simples, mas muito eficientes, explica a podóloga Lucinéia Saito, da Clínica Spés Podologia, de Campinas.

“Saber comprar o calçado é fundamental. O ideal é que a pessoa compre no fim do dia porque está com o pé mais inchado, então não corre o risco de ele ficar apertado depois”, orienta. “Também é importante que a numeração seja a correta, que não “sobre” o calcanhar para fora. Outra dica é se certificar que as tiras estão confortáveis. Se estiverem soltas ou apertadas, vão machucar”, comenta Lucinéia.

De acordo com ela, também é muito importante que a pessoa reveze os calçados, seja no mesmo dia ou de um dia para o outro. “É preciso intercalar o tipo de calçado para mudar os pontos de pressão no pé. Se hoje está de rasteirinha, amanhã deve colocar um saltinho, por exemplo”, orienta a podóloga.

Além dos cuidados na hora de escolher os sapatos e sandálias, também é necessário hidratar e esfoliar os pés. “O ideal é fazer uma boa hidratação toda noite, antes de dormir, com cremes específicos para os pés. Não adianta usar um hidratante corporal. A esfoliação deve ser feita de duas a três vezes por semana. E nós também orientamos a fazer escalda-pés sempre que os pés estiverem inchados e cansados”, comenta Janete Azevedo, que também é podóloga na Spés.

“Se a pessoa já estiver com os pés rachados e ressecados, o ideal é fazer uma sessão de podologia, com hidratação. Nós desbastamos a pele grossa e fazemos uma hidratação com parafina e o aparelho de ozônio. O resultado é mais rápido e a hidratação fica por mais tempo”, explica Janete. “Jamais, deve passar lixa no pé para minimizar as rachaduras. Isso só vai piorar o quadro”, alerta.

Outras dicas de cuidados:

– evitar tomar banho em vestiários com os pés diretamente no chão

– usar spray antisséptico nos pés para reduzir a transpiração. Deve ser aplicado toda manhã

– manter as unhas cortadas corretamente (reta, nem muito curta e nem comprida)

– não caminhar descalço na praia. A areia quente pode queimar os pés e, além disso, há maior risco para pegar fungos e bactérias. A recomendação é usar tênis ou aquelas sapatilhas tipo Ufrog, que são anatômicas e secam rapidamente

– se ficar muito tempo com chinelos de dedos, é importante fazer um alongamento nos pés. Como eles escorregam com a transpiração, a pessoa fica com os dedos em formato de garra para segurá-los nos pés. O spray antisséptico ajuda a reduzir essa transpiração

– não usar meias de seda e meias sintéticas porque elas fazem com que os pés transpirem mais e não absorvem essa transpiração

Bom verão e curta com saúde e responsabilidade. beijos até a próxima, Lana

 

Cuidados com os dentes e gengivas refletem na saúde de todo o corpo: Conheça as principais doenças transmitidas pela boca!

Boca, quanto vale a sua? Cuidar bem dos dentes não reflete somente em uma boa aparência. A saúde e prazer começam pela boca e muitos ainda pensam visitar um dentista só para a hora da dor. Dúvida cruel! Leia mais com Dr. Valter Moura Ferreira – 

dente1

A prevenção é ainda a melhor solução e o brasileiro precisa entender exatamente quais os benefícios de se cuidar bem e que os dentes não resultam apenas em uma ter um sorriso bonito, com dentes brancos e alinhados, pensando apenas na estética. É pela boca que se iniciam, além de possuir dentes perfeitos e bonitos, indivíduos saudáveis e livres de doenças graves como:

dentes brancos

Mononucleose infecciosa,

Gripe e resfriados,

Herpes,

Catapora,

Caxumba,

Candidíase,

Sífilis,

Hepatites, A, B e C,

Câncer, entre outras,

Há uma delicada relação entre problemas bucais e doenças sistêmicas que podem ser evitadas com uma boa higiene e visitas periódicas ao dentista.

“A boca é a um sinalizador da saúde do corpo. Não podemos colocar a saúde em geral em risco se não cuidarmos bem dela, e não se deve procurar um profissional apenas na hora da dor, pois o impacto tem sido demonstrado na saúde geral em relação as doenças periodontais e doenças sistêmicas”. Comenta o dentista – implantodontista – Dr. Valter Moura Ferreira

A grande preocupação na área da saúde são as infecções bacterianas na boca que podem causar com frequência outras complicações de saúde. O exemplo claro é que há uma grande relação entre doença periodontal a doenças cardíacas, derrame cerebral, partos, diabetes e outras doenças.

“Para que se evitem desgastes físicos e a perda da auto estima, sem contar com grandes gastos financeiros, a prevenção é um dos passos mais importantes na manutenção de sua saúde geral e por isso o dentista tem que ser consultado com mais frequência”, complementa Dr. Valter Moura Ferreira

Os cuidados com a boca vão além da limpeza após as refeições, antes de dormir e a utilização do fio dental e é necessário criar hábitos saudáveis como não fumar, não levar a boca objetos sem a higienização correta, não sair beijando na boca desconhecidos (em baladas como as famosas “ficadas”), também ajudam a preservar a saúde e a beleza da boca. A visita a um dentista a cada seis meses pode ser importante, pois existem situações onde não se sente dor, mas que podem existir uns problemas que só um profissional da área poderá diagnosticar. Lembrando que é importante conversar com seu dentista sobre alterações em na saúde em geral, particularmente doenças recentes ou crônicas. Informa ao seu dentista sobre feridas na boca que não cicatrizarem por mais de 2 semanas e etc.

Boca saudável – O que é uma boca saudável?

Sem cáries;

Não ter doença periodontal,

Sem feridas ou manchas,

Não ter sem mau hálito,

Ter uma boa mastigação, deglutição e comunicação,

“Algumas pessoas não se preocuparem com a sua dentição e em muitos casos, além das questões culturais, socioeconômicas e de educação, muitos pensam em primeiro lugar, aonde irem a suas próximas férias, qual marca de carro irá comprar ou trocar; pensam em roupas novas, e etc., mas todos deveriam criar o hábito inicialmente da prevenção da saúde bucal. Se os brasileiros acreditarem que a prevenção é melhor maneira, mais econômica, menos dolorida e menos preocupante de cuidar da saúde bucal, evitará em médio prazo, tratamentos de problemas que, com certeza, se tornarão mais graves”, assegura o implantodontista e clinico geral. Dr. Valter Moura Ferreira.

Afinal, de que vale uma roupa bonita em um carro novo se você não pode sorrir? Este é o meu comentário final, Lana Côrtes.

Prof. Dr. Valter Moura Ferreira – CRO/SP 33.053

Ministrador credenciado de empresas de implantes nacionais e internacionais – coordenador de cursos de especialização em implantes – Professor de cursos de implantes cirúrgicos e protéticos Professor de cursos credenciados de implantes Zigomáticos – Conferencista em cursos e congressos nacionais e internacionais – vários artigos publicados.

 

Tome um bom banho, só que de hidratantes. Recupere a sua pele e se prepare para a nova estação. Saiba como e onde com Lana Côrtes

Olá pessoal, vou apresentar para vocês o Espaço Taman Clinica de Estética! Além de dicas para você iniciar em casa, hoje, depois de comprovado por mim você pode e deve ter cuidados especiais com o seu corpo e sua mente. Confira!

pele inverno hidrate se

O inverno tem tido dias bem frio e secos. Alguns dias até fomos agraciados com temperaturas quentes, dando até para abusar de uma regata, certo? Mas este desiquilíbrio climático pode ocasionar estragos em nossa pele. Dê uma olhadinha em suas pernas, pés, mãos, cotovelos ou mesmo uma boa verificada em seu rosto. Você vai perceber que o maior órgão do nosso organismo, a pele resseca e pode ocasionar um envelhecimento precoce. Evite estragos e vamos entrar na nova estação com mais saúde, segurança e frescor.

Se posso indicar uma clinica de estética e beleza com certeza é a Espaço Taman Clínica de Estética. Local lindo e delicioso, com segurança, pois fica em um divino prédio ao lado do MorumbiShooping. Aproveite e vá conhecer o *Crio Taman Concept*, um plano de tratamento personalizado de acordo com as necessidades do seu corpo, tendo como base a criolipólise e outras tecnologias que vão proporcionar um resultado nunca visto antes. Vá e conheça a Dra. Mayra, ela saberá exatamente o que você precisa. Eu frequento e indico.

O BEM-ESTAR DEVE SER UMA CONSTANTE NA SUA VIDA. FAÇA UMA PAUSA CONSCIENTE, RENOVE SUAS ENERGIAS, EQUILIBRE SEU CORPO E REVITALIZE SUA PELE.
O Espaço Taman proporciona a você um momento bem-estar. Desfrute dos cuidados da experiente de uma equipe preparada para te atender nos serviços de estética facial e corporal, massoterapia, esmalteria, coaching e nutrição funcional. Experiências únicas em um só lugar! Ahh você pode espiar lá no facebook. https://www.facebook.com/espacotamanoficial/

Quer começar em casa? Então fique linda. Repare que com o vento seco e o aumento da concentração de poluentes no ar são características do inverno que provocam alterações na pele como a desidratação. Nesta época, sempre lembramos dos cuidados faciais, mas é recomendável também não esquecer a hidratação corporal. De preferência logo após o banho  gaste pelo menos uns 5 para aplicar um camada generosa de hidratantes ricos em óleos e emulsionantes. Não deixe de hidratar também suas mãos e unhas. Retire o esmalte e deixe sem pelo menos um ou dois dias por semana antes de esmaltar novamente.

Espaço Taman

Endereço

Av. Dr. Chucri Zaidan, 1550 cj 607
São Paulo
Ligue para (11) 5184-0264 fale com a Mayra ou a Neide. beijão

Amanhã: Cabelegria, Instituto de Câncer Dr. Arnaldo e Rede de Combate ao Câncer inauguram Banco de Perucas – com Lana Côrtes

Olá, tudo bem? Eu não sou muito de me expor, mas hoje, sem vergonha de esconder para que você me conheça mais um pouco, esta foto aqui é minha e poucos sabem. Eu tive que usar peruca e me achei linda com a autoestima perfeita. Agora estou pensando em deixar crescer bem meus cabelos para realizar a doação dos meus fortes cabelos e, quem sabe, fazer alguém feliz. Assim como eu sou.. FELIZ! AFINAL, AJUDA MUITO NA RECUPERAÇÃO – a fé e a força!

A Lana Com peruca

Lançamento acontece no dia 25 de agosto, às 10h, e contará com 50 manequins e reabastecimento eterno da ONG para distribuição de perucas gratuitas às pacientes

Com patrocínio da Rede Feminina de Combate ao Câncer de POÁ e SUZANO, o Cabelegria, ONG que confecciona perucas para pacientes com câncer, ganhará um novo banco de perucas em São Paulo: no Instituto de câncer Dr. Arnaldo.

A inauguração, que será nesta sexta-feira, 25 de agosto, às 10h, vai marcar uma nova era às pacientes que perderam sua autoestima devido à doença.

Para quem não conhece, desde sua criação, em 2013 a ONG conseguiu arrecadar mais de 100 mil doações de fios, de todas as partes do planeta, ou seja, o que era para ser um projeto pontual, tornou-se uma CORRENTE MUNDIAL DO BEM. De lá para cá, já foram realizadas milhares de entregas gratuitas para crianças e mulheres, além das inúmeras doações feitas para hospitais e casas de apoio.

Hoje, o Cabelegria tem a capacidade de produzir mais de 10 mil perucas com toda a quantidade de cabelos arrecadados e, no Instituto de Câncer Dr. Arnaldo, com o apoio da Rede Feminina de Combate ao Câncer de POA e SUZANO, um espaço com 50 manequins estarão à disposição das mulheres e crianças que lá se tratam, com reabastecimento frequente, para que nunca faltem perucas para doações.

Sem sede própria, além do primeiro Banco de Perucas (inaugurado há pouco mais de um ano no Hospital Santa Marcelina), a ONG não possui fila de espera. Todos os pedidos são enviados gratuitamente por Sedex ou entregues em eventuais ações feitas em São Paulo e fora da capital. “Com o Banco de Perucas no Instituto de Câncer Dr. Arnaldo, nós conseguiremos entregar com mais rapidez os cabelos às pacientes, que muitas vezes deixam de se olhar no espelho devido à queda”, explica Mariana Robrahn, fundadora do Cabelegria. “O cabelo faz parte da composição do corpo e a perda dele muitas vezes impacta na diminuição da autoestima. Nossa doação vai além da vaidade, ela é um ato de amor que também auxilia na cura”, diz Mylene Duarte, outra fundadora do Cabelegria. “O banco de perucas será às pacientes do Hospital, mas trata-se de um projeto piloto, que servirá de exemplo para novas parcerias em outras instituições em breve”, completa Mariana.

Importância do Novo Banco de Perucas

A primeira instituição brasileira destinada ao estudo do câncer, o Instituto de Câncer Dr. Arnaldo, foi idealizado em 1920, pelo Dr. Arnaldo Augusto Vieira de Carvalho, então diretor da Faculdade de Medicina da Santa Casa de São Paulo. Este médico que se impressionou com o flagelo do câncer, iniciou um movimento a fim de arrecadar fundos para a criação de uma entidade que tratasse da doença, utilizando-se do radium e de outros métodos eletrofísicos e cirúrgicos para o tratamento da doença.

Foi então formada uma comissão com membros da Sociedade de Medicina, os doutores Arnaldo Augusto Vieira de Carvalho, Oswaldo Pimental Portugal e Raphael Penteado de Barros. Porém, apenas em 05 de novembro 1929, o hospital conseguiu abrir suas portas, em terreno cedido pela Santa Casa de São Paulo, onde funciona até hoje. Desde então, não deixou mais de prestar este essencial serviço para a comunidade.

Com perfil filantrópico é dedicada ao ensino, pesquisa e à assistência à saúde no combate ao câncer, tendo por objetivo: promover o diagnóstico, a prevenção à detecção e o tratamento do câncer; incentivar investigações científicas relativas aos problemas de câncer e dos agentes empregados no seu tratamento; promover cursos de especializações e aperfeiçoamento de suas finalidades e cooperar nas campanhas de combate ao câncer, com entidades públicas ou privadas, nacionais e estrangeiras.

Hoje, o Instituto de Câncer Dr. Arnaldo é uma instituição de atendimento 100% SUS. Atende média e alta complexidade, em 13 especialidades, além de equipe multidisciplinar composta por Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia, Fisioterapia e Serviço Social. A unidade hospitalar conta com: Unidade Principal, 69 leitos de enfermaria, 8 leitos de UTI;  4 salas cirúrgicas; Unidade de Pronto Atendimento 24h; Ambulatório com 15 consultórios; Serviços de Quimioterapia e Radioterapia; Serviço de Medicina Nuclear; Centros de Diagnóstico por Imagem; Laboratórios de Análises Clínicas e Patologia.

Em 2016, o Instituto de Câncer Dr Arnaldo alcançou números surpreendentes, tais como Aplicações de Radioterapia (252.936); Aplicações de Quimioterapia (30.439); Pacientes Novos (14.726); Consultas em Pronto Atendimento (18.624); Consultas (95.752); Cirurgias Realizadas (5.016) e Exames (370.366). Esses resultados  beneficiaram a população da cidade de São Paulo e também de municípios vizinhos, atingindo até outros Estados da Federação.

Em consonância com a Política Nacional de Humanização, o Grupo de Humanização do Instituto de Câncer Dr. Arnaldo tem como objetivo a valorização dos sujeitos envolvidos no processo de produção de saúde, entendo como sujeitos, paciente, familiares e profissionais da saúde.

“O impacto do diagnóstico e os efeitos do tratamento oncológico suscitam no paciente uma gama enorme de sentimentos. Nesse sentido buscamos oferecer um cuidado que transcende a doença em si, integrando os aspectos psicossociais e existenciais”, diz Simone Ansarah, subcoordenadora da Humanização. “As parcerias são fundamentais na busca da oferta de um tratamento integral e o Banco de Perucas é mais uma conquista do Grupo de Humanização do Instituto de Câncer Dr. Arnaldo, que visa proporcionar à paciente o resgate da autoestima, enfatizar a importância do autocuidado e promover qualidade e de vida”, completa.

Já a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Poá e de Suzano ajudam a difundir na comunidade conhecimentos gerais sobre o câncer visando a prevenção e o diagnóstico precoce. Nos unimos para realizar esse sonho do Instituto e da ONG Cabelegria. A criação do Banco de Perucas com certeza irá ajudar muitos pacientes e para nós é um prazer poder participar dessa parceria.   

 

SERVIÇO

Lançamento Banco de Perucas Cabelegria no Instituto de Câncer Dr. Arnaldo promovido pela Rede Feminina de Combate ao Câncer de POÁ e SUZANO

Data: 25 de agosto, sexta-feira, 10h

Local: Rua Dr Cesário Mota Jr, 112 – Vila Buarque, São Paulo – SP

 

Para mais informações sobre o Cabelegria e o trabalho desenvolvido às pacientes, acesse www.cabelegria.org

Zika vírus deixa o Brasil e o mundo em alerta depois de novas descobertas sobre o tema

Mesmo com baixas temperaturas Zika vírus ainda mostra riscos

Circulando pelo mundo, o vírus oferece grande risco, principalmente às gestantes, e especialistas continuam divulgando suas pesquisas com a preocupação sobre este grave assunto. No sul do País, por exemplo, foi divulgado na última semana um novo caso comprovado de microcefalia associado ao Zika vírus e as campanhas devem continuar. Este caso foi o primeiro que teve sua contaminação no próprio estado do Rio Grande do Sul, onde as alterações que estavam em estudo no bebê, houve a confirmação de estar associada à (SCZ) Síndrome Congênita do Zika, tendo em vista que os demais foram contraídos em outras localidades.

São Paulo, pesquisas realizadas pela Faculdade de Medicina (Famerp), em São José do Rio Preto (SP), apontou que o padrão verificado no Estado é diferente daquele vivido no Nordeste do Brasil. Os casos de bebês nascidos com microcefalia após contaminação das gestantes por zika vírus foram inferiores aos apresentados em Salvador, por volta de de 10%. Portanto, mesmo sem o diagnóstico da microcefalia, foi comprovado que houve relatos de danos neurológicos em alguns casos.

Os pesquisadores já haviam acompanhado nascimentos em um hospital público de Salvador durante o pico da epidemia de zika no estado, em 2015, e compararam aos dados obtidos em Rio Preto. Para eles, o fato de mais crianças apresentarem microcefalia no Nordeste que em Rio Preto, pode estar relacionado ao próprio hospedeiro humano ou a algum fator genético.

Neste mês de junho, saiu a primeira pesquisa relatada nos EUA e mostrou que 5% das mulheres com infecções confirmadas tiveram filhos com má formação associada ao Zika. O País também está em estado de alerta.

De 1º Janeiro de 2016 a 25 de abril de 2017 foram infectadas pelo Zika vírus 1508 mulheres grávidas.

“O vírus que agora se expandiu para outras áreas geográficas do Brasil, onde a população não enfrenta só o Zika, mas também a Dengue, Chikungunya e a volta da epidemia da Febre Amarela, hoje o importante é entender melhor sobre cada doença e comportamento dos mosquitos,  para uma prevenção mais adequada e, assim, evitar a propagação. Necessitamos estar à frente do próximo vírus emergente”, comenta Gisely Farias – diretora comercial da NON repelente.

Empresas investem em repelentes corporais para atender demanda das quatro estações do ano mas, todo brasileiro precisa fazer sua parte combatendo o foco do mosquito. A marca NON, do Grupo SR COSMET & CO, que fabrica o repelente que protege o corpo contra Aedes Aegypti, transmissor de dengue, zika, chikungunya, febre amarela, entre outros, chegou ao mercado brasileiro, protegendo a pele por 10 horas comprovadas contra as picadas de todos os insetos, carrapatos, pulgas, entre outros. A missão do NON Repelente, lançado pela SR COSMET & CO uma das marcas do grupo, é dar maior proteção ao mercado com um princípio ativo que não apresenta toxicidade e não é volátil, isso é: não desaparece com o suor nas altas temperaturas. Com embalagem prática, que facilita a aplicação, o item também se diferencia na categoria de repelentes por sua fórmula leve, inodora, para não irritar o usuário.

catalogo non aedes comercial.cdrNON Repelente de Insetos é eficaz contra picadas de Aedes Aegypti, que transmite doenças como dengue, zia e chikungunya, além de repelir outros mosquitos, carrapatos, percevejos, pulgas, entre outros. Pode ser usado por crianças a partir dos seis meses ou com a indicação do pediatra, também em adultos, gestantes e lactantes.

catalogo non aedes comercial.cdr

O NON repelente é o único  produto no mundo com princípio ativo IR 3535, com 10 horas comprovadas de proteção.  A sugestão de preço para venda ao consumidor é de R$ 50,00 para o de 100 ml e de R$ 90,00 para o de 200 ml, fabricado no interior de São Paulo e possui tecnologia alemã. O princípio ativo do NON repelente existe há mais de 30 anos e é produzido pela Merck – chamado IR3535® (Ethyl Butylacetylaminopropionate). A estrutura deste princípio ativo baseia-se na alanina e na beta-alanina  . O EPA (Environmental Protético Agency). Classificou o IR3535® como uma substância bioquímica com base de ela ser  funcionalmente idêntica a Beta-alanina: Ambas possuem a característica principal de repelir insetos, além de que os grupos finais de IR 3535 não são  susceptíveis de contribuir para a toxidade.

Acesse: www.usenon.com.br

FACEBOOK.